Deixe que suas crianças desenhem!

0

Desenhar é um dos passatempos preferidos das crianças. Basta que as deixem diante de uma folha em branco e lápis e giz coloridos para que elas comecem a criar as mais diversas formas. Mais do que apenas um meio para seu filho(a) se distrair, os desenhos representam o desenvolvimento e também uma forma de comunicação.

De acordo com uma pesquisa realizada pelo Instituto de Psiquiatria da Universidade Kings College London, no Reino Unido, os desenhos feitos por uma criança podem ser um indicador de inteligência futura. No estudo, 15.504 crianças de 4 anos fizeram um desenho, que recebeu uma nota em uma escala de 0 a 12. O critério de avaliação era se o desenho – de um corpo humano – possuía cabeça, tronco, pernas e braços. Dez anos depois, elas passaram novamente por um teste de inteligência. Os cientistas perceberam, então, que os que obtiveram as maiores notas no desenho também alcançaram pontuações melhores na avaliação.

Segundo Rosalind Arden, pesquisadora que liderou o estudo, obviamente os pais e mães não devem se preocupar se suas crianças não desenham bem, uma vez que a inteligência de um indivíduo é construída por meio de inúmeros fatores, como o ambiente no qual vive ou a genética. O importante é que a criança disponha de todos os recursos possíveis para que possa criar à vontade.

 

Como-fazer-lindos-desenhos-a-lapis1

 

Onde há desenho, há aprendizado

 

Enquanto desenha, as crianças ficam suscetíveis a várias formas de desenvolvimento. Uma delas é a coordenação motora, já que é preciso controlar o giz de cera, lápis ou caneta. O movimento de pinça, ao usar o dedo indicador e o polegar, também é um dos aspectos que se aprimoram durante a criação.

A escolha dos desenhos e das formas e traços é uma representação do pensamento da criança. De acordo com a educadora Lisie de Lucca, coordenadora de cultura do Colégio Porto Seguro (SP), as figuras ilustram a forma como um indivíduo percebe o mundo à sua volta. É importante esclarecer que, de preferência, os pais evitem direcionar seus filhos(as) para o “jeito certo de desenhar”. Elas precisam estar livres.

 

size_590_crianca-desenhando

 

Incentive suas crianças!

 

Algumas dicas podem ser essenciais para que as crianças se sintam livres e à vontade para desenhar:

 

  • Deixe à disposição materiais diversos, como papeis, giz, canetas, lápis de cor, pincéis e tintas;
  • Leve as crianças a parques, zoológicos e demais passeios e estimule a leitura para aumentar seu conhecimento sobre o mundo;
  • Incentive seu filho(a) a reparar nos pequenos detalhes do cotidiano, como as cores e as formas dos objetos presentes em seu cotidiano;
  • Dê preferência a papéis em branco. Estimular a criança a colorir desenhos prontos também é interessante, mas nada substitui a liberdade da criação.

Desta forma, suas crianças não apenas desenvolverão habilidades importantes, mas também se tornarão adultos mais criativos e com mais facilidade para se expressar.

Compartilhe!

Sobre o Autor

O Fátima Saúde é uma das mais sólidas operadoras de gestão da saúde do sul do Brasil, com uma filosofia única no mercado de saúde da Serra Gaúcha. Atua desde 1988 na criação de soluções para a gestão integral da saúde, com plano de saúde e serviços modernos e inovadores.

Deixe uma resposta